Ouça agora na Rádio

N Notícia

Comitê Paralímpico Brasileiro - CPB

FOTO: Comitê Paralímpico Brasileiro - CPB

Brasil inicia etapa da Copa do Mundo de Halterofilismo com 3 medalhas

Potiguar João Maria Júnior fica com ouro na categoria até 49kg

O Brasil iniciou sua participação na etapa de Abuja (Nigéria) da Copa do Mundo de Halterofilismo paralímpico com a conquista de três medalhas na última quarta (5). O destaque foi o ouro do potiguar João Maria Júnior, que levantou 145kg para ficar com o ouro na categoria até 49kg.

João Maria é o atual campeão parapan-americano da prova. Em Lima ele levantou 141kg para ficar com o ouro.

Quem também garantiu uma medalha para o Brasil foi a mineira Lara Aparecida, que conquistou a prata na categoria até 41kg ao erguer 76kg. O ouro ficou com a queniana Hellen Kariuki, que levantou 92kg na barra.

A terceira medalha do Brasil no dia também foi uma prata, do paulista Bruno Carra, que levantou 165kg na categoria até 54kg. A primeira posição nesta prova ficou com o nigeriano Roland Ezuruikev, com uma marca de 170kg.

Segundo o Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB), a Copa do Mundo de Halterofilismo é organizada pelo Comitê Paralímpico Internacional (IPC, sigla em inglês) e as marcas obtidas nesta competição são validadas no ranking para os Jogos Paralímpicos Tóquio 2020. Ao todo, participam 183 levantadores de 21 países. O Brasil conta com oito atletas na Nigéria: Ailton Souza (até 80kg), Bruno Carra (até 54kg), Evanio Rodrigues (até 88kg), João Maria Júnior (até 49kg), Lara Lima (até 41kg), Mariana D’Andrea (até 73kg), Mateus de Assis (até 107kg) e Tayana Medeiros (até 86kg).

FONTE: Agencia Brasil
Link Notícia