Ouça agora na Rádio

N Notícia

Com reservas, Grêmio volta a vencer Goiás e avança na Copa do Brasil

FOTO: LUCAS UEBEL/GREMIO FBPA / fotospublicas.com

Com reservas, Grêmio volta a vencer Goiás e avança na Copa do Brasil

Renato Gaúcho poupa titulares, mas Tricolor se classifica em casa

Informações compartilhadas Superesportes
 
O Grêmio está nas quartas de final da Copa do Brasil. Nesta quarta-feira o time comandado pelo técnico Renato Gaúcho recebeu o Goiás, na Arena do Grêmio, em Porto Alegre, e não decepcionou seus torcedores. Mesmo indo a campo com um time reserva, o Tricolor tratou de confirmar seu favoritismo, desta vez superando os rivais esmeraldinos por 3 a 1, graças aos gols de Alisson (2) e Thaciano. Maranhão descontou para os visitantes.
 
Agora, o Grêmio vai aguardar o sorteio realizado pela CBF para descobrir quem será seu adversário na próxima fase da competição. A equipe gaúcha divide seu foco entre a Copa do Brasil, Campeonato Brasileiro e Copa Libertadores, da qual é atual campeã.
 
O Grêmio também ostenta o rótulo de maior campeão da Copa do Brasil, ao lado do Cruzeiro. Vencedor da edição de 2016, quando Renato Gaúcho já estava á frente da equipe, o Tricolor vai em busca do hexacampeonato, embora o torneio não seja seu principal objetivo no ano.
 
O jogo
 
Embora tenha entrado em campo com a equipe reserva, o Grêmio atuou da mesma maneira que costuma atuar quando os titulares estão em ação. Com a já tradicional troca de passes muito bem orquestrada, o time do técnico Renato Gaúcho não demorou muito para fazer sua superioridade ser convertida em gols. Aos 13 minutos, Alisson recebeu ótimo passe de Cícero por cima, matou no peito e bateu sem chances para o goleiro Marcelo Rangel, deixando o Tricolor gaúcho ainda mais próximo das quartas de final da Copa do Brasil.
 
Sete minutos depois, quase o segundo gol do Grêmio. Thonny Anderson recebeu na esquerda, em contra-ataque, e lançou para Maicosuel. O atacante dominou e tratou de devolver a bola para o camisa 27, que bateu da entrada da área, de chapa, mas viu o arqueiro rival fazer boa defesa.
 
Sem muitas ameaças, o Grêmio continuou agredindo os adversários no campo de ataque e parecia que iria para o intervalo com uma vantagem ainda maior. Aos 35 minutos foi a vez de Lima ficar com o grito de gol entalado na garganta. Maicosuel finalizou de primeira, exigindo ótima defesa de Marcelo Rangel. No rebote, Lima pegou firme na bola, mas viu Edcarlos, que estava caído por conta de um choque na pequena área, bloquear o arremate praticamente em cima da linha, frustrando os planos tricolores.
 
No segundo tempo, a conversa do técnico interino do Goiás com seus jogadores pareceu ter surtido efeito. Mostrando que iria lutar até o suspiro final, o time esmeraldino acabou premiado com um golaço de Maranhão logo aos seis minutos. O meia dominou com a parte externa do pé e sem deixar a bola cair no chão soltou a bomba, surpreendendo o goleiro Paulo Victor e estufando as redes.
 
Mais relaxado por conta da vantagem construída, o Grêmio acordou depois do empate e quase voltou a ficar na frente aos 12 minutos, quando Maicosuel abriu para Alisson na direita, que finalizou cruzado, rasteiro, mas mandou rente à trave direita de Marcelo Rangel, que só acompanhou.
 
O Tricolor, no entanto, foi mais feliz já na reta final de partida. Aos 30 minutos, Thaciano, que entrou no lugar de Lima, mostrou bastante oportunismo ao receber passe açucarado de Alisson e bater firme, mandando no cantinho do goleiro rival para marcar seu primeiro gol com a camisa do Grêmio – ele está emprestado pelo Boa Esporte. Antes do apito final, foi a vez de Alisson, autor do primeiro gol gremista e da assistência do segundo, ir às redes de novo, em nova assistência magistral de Cícero ficando na cara do gol, mandando para dentro e sacramentando a classificação
 
GRÊMIO 3 x 1 GOIÁS
 
GRÊMIO
Paulo Victor; Madson, Bressan, Michel e Marcelo Oliveira; Jailson, Cícero, Lima (Thaciano), Alisson e Maicosuel (Pepê); Thonny Anderson (Vico)
Técnico: Renato Gaúcho
 
GOIÁS
Marcelo Rangel; André Krobel, Edcarlos (Eduardo Brock), David Duarte e Jefferson; Gilberto Júnior, Samuel (Michael), Tiago Luís (Rafinha) e Maranhão; Carlos Eduardo e Jacó
Técnico: Augusto César
 
Local: Arena do Grêmio, em Porto Alegre
Data: 9 de maio de 2018, quarta-feira
Árbitro: Igor Junio Benevenuto (MG)
Assistentes: Felipe Alan Costa de Oliveira e Ricardo Junio de Souza (MG)
Público: 12.573 pessoas
Renda: R$ 301.076,00
Cartões amarelos: David Duarte, Gilberto, Tiago Luís, Rafinha e Jacó (Goiás)
GOLS: Alisson, aos 13min  do 1ºT ; Maranhão, 6, Thaciano, 30, e Alisson, aos 45min do 2ºT
FONTE: Super Esportes / Gazeta Press
Link Notícia

Peça sua Música

Previsão do Tempo