Ouça agora na Rádio

N Notícia

Cristiano Ronaldo: craque português viciado em recordes e títulos

FOTO: Divulgação / Super Esportes

Cristiano Ronaldo: craque português viciado em recordes e títulos

Todas as informações compartilhadas Super Esportes

Cristiano Ronaldo chega à quarta Copa do Mundo da carreira em grande momento. Eleito melhor jogador do mundo em 2016 e 2017 e candidato em 2018, ele vem de temporadas vitoriosas no Real Madrid, onde foi determinante para as conquistas do bi da Liga dos Campeões da Europa e também do Mundial de Clubes da Fifa. Para completar, levou Portugal à sua maior conquista, a Eurocopa de 2016.

Ele também vem em grande momento como goleador. Foi artilheiro das últimas cinco edições da Liga dos Campeões, além de ser quem mais fez gol na disputa em curso, com 14, quatro a mais que Yedder, do Sevilla. Assim, tornou-se quem mais marcou na história da competição.

O portugês fez dois gols contra a Juventus no primeiro jogo das quartas def inal da Liga dos Campeões, sendo um deles de bicicleta, golaço que foi aplaudido de pé pelos italianos. E hoje deverá ajudar os merengues a chegar a mais uma semifinal da competição.

Por isso, a expectativa é que ele, aos 33 anos, finalmente consiga brilhar em um Mundial, apagando as atuações discretas em 2014 e em 2010. Em 2006, tinha apenas 21 anos e se destacava como um jovem promissor em uma equipe que tinha craques como Luís Fico e Deco.

O curioso é que foi na primeira participação que conseguiu a melhor colocação em Copas, chegando às semifinais. Na África do Sul, já como jogador consagrado, marcou gol na goleada por 7 a 0 sobre a Coreia do Norte, na primeira fase, mas foi só, pois o time acabou eliminado pela Espanha nas oitavas de final com derrota por 1 a 0. Já no Mundial do Brasil, Portugal não passou da primeira fase, em grupo que tinha Alemanha, EUA e Gana.

Um ponto a favor do gajo é o desejo insaciável por bater marcas e conquistar títulos. Ele soma 81 gols por Portugal e é o maior goleador da história do país, além de ser o jogador com mais gols por seleção em atividade. Ele já superou Pelé e está perto de passar o húngaro Puskas (84 gols). Do jeito que é, não é de se duvidar que tente até superar o iraniano Ali Daei (109 gols), que é o recordista.

Ele é um dos candidatos a ganhar a Chuteira de Ouro nesta temporada. Isso já ocorreu em 2007-2008, 2010-2011, 2013-2014 e 2014-2015.

COMPANHEIROS Para completar o bom momento de CR7, a Seleção de Portugal mostra que tem condições de ser protagonista. Mesmo que não tenha chegado à final da Copa das Confederações de 2017, o time dirigido por Fernando Santos não teve dificuldades para se classificar diretamente nas Eliminatórias Europeias, em grupo que tinha Suíça (que se garantiu na repescagem), Hungria, Letônia, Ilhas Faroe e Andorra.

A equipe lusa conta com jogadores experientes, como os zagueiros Pepe e Fábio Coentrão, os armadores André Gomes e João Moutinho e o atacante Ricardo Quaresma. A eles se junta uma nova geração de atletas talentosos, como o atacante Renato Sanches.

NÚMEROS DO CRAQUE

650 gols (81 pela Seleção)
149 jogos por Portugal
Copas disputadas

Foto: Divulgação/ SupeEsportes

FIQUE DE OLHO

HARRY KANE

Posição: Atacante
Idade: 24 anos (28/7/1993)
País: Inglaterra
Clube: Tottenham-ING

Artilheiro da Premier League nas duas últimas temporadas (25 e 29 gols, respectivamente) e brigando para repetir o feito pela terceira vez seguida, Henry Kane tem tudo para se destacar também com a Seleção Inglesa. Aos 24 anos, o jogador parece estar no auge físico e técnico e vem estabelecendo marcas a cada vez que entra em campo. Ele deixa os torcedores sonharem em repetir o feito de Gary Lineker, artilheiro da Copa do Mundo de 1986, no México, com seis gols.

MARCELO
Posição: Lateral-esquerdo
Idade: 29 anos (12/5/1988)
País: Brasil
Clube: Real Madrid-ESP
Titular tanto no clube quando na Seleção, o lateral-esquerdo terá, aos 30 anos, a segunda chance de ser campeão mundial pelo Brasil, o que já conseguiu três vezes com o Real Madrid. Ele vem atuando em alto nível, tanto defensiva quanto ofensivamente, sendo atleta de extrema importância para os esquemas montados por Zinedine Zidane e por Tite. Além da qualidade técnica, ele tem a favor a experiência de 11 anos no futebol europeu, todos pelo clube merengue. O bom entrosamento com Neymar faz o lado esquerdo do Brasil ser uma arma muito poderosa.

FONTE: Super Esportes - Paulo Galvão /Estado de Minas
Link Notícia

Peça sua Música

Previsão do Tempo